Obras de dez artistas plásticos portugueses expostas na Biblioteca Municipal
Cultura

Exposição ‘O Ofício da Solitude’Obras de dez artistas plásticos portugueses expostas na Biblioteca Municipal

A Biblioteca Municipal de Santa Maria da Feira tem patente, até 29 de outubro, a exposição coletiva ‘O Ofício da Solitude’, com curadoria de Fernando Augusto Rocha. A mostra reúne obras de dez artistas plásticos portugueses, que integraram a primeira temporada da série de episódios com o mesmo nome, resultado de um conjunto de entrevistas conduzidas pelo músico Rui Reininho nos ateliês dos artistas

Com assinatura de Ana Aragão, Ana Maria Pintora, Daniel Africano, Fernando Gaspar, Filipa Godinho, Luís Fortunato Lima, Martinho Dias, Paulo Neves, Susana Chasse e Zulmiro de Carvalho, as obras em exposição (escultura, desenho, ilustração e pintura), na galeria da Biblioteca Municipal, revelam a técnica, o percurso e a filosofia de vida de cada um dos artistas, temas anteriormente abordados na série documental.

“Agora surge a oportunidade de o público sentir essa Arte diretamente, frente a frente com as criações dos artistas”, refere o realizador da série e curador da exposição, Fernando Augusto Rocha.

O projeto videográfico ‘O Ofício da Solitude’ contou com o apoio do município de Santa Maria da Feira, através de uma candidatura ao Programa de Apoio à Cultura (Medida 1.1 – Criação Local), “acabando por evidenciar uma inequívoca qualidade técnica e artística, plasmada na série documental de dez episódios dedicados a dez artistas plásticos portugueses”, diz o vereador da Cultura, Gil Ferreira, no catálogo da exposição.   

“Depois de aqui termos acolhido e privado com os criadores de ‘O Ofício da Solitude’, é finalmente chegada a hora de acolhermos as suas criações, numa exposição temporária que é também uma homenagem à liberdade e libertação, ao reencontro e à redescoberta do universo de cada um de nós”, sublinha Gil Ferreira, acrescentando que “foi um privilégio, mas sobretudo um gratificante exercício de enriquecimento cultural e artístico apoiar este projeto e acolher a sua estreia na biblioteca”.

A exposição vai estar patente na Biblioteca Municipal até 29 de outubro, de segunda-feira a sábado, das 10h às 19h, e, aos domingos, das 09h30 às 12h30. A entrada é livre.

Assine agora
X